New Year SALE
$200 OFF Until JAN 31st
Request Mobile Site
x

Tudo o que precisa de saber sobre carros japoneses

Car Advisor Tamotsu Todoroki

Juntei-me à AGASTA CO. e fiz compras de viaturas durante alguns anos. Depois mudei-me para o Departamento de Vendas e comecei esta coluna sobre carros usados ​​japoneses. Aconselho viaturas e partilho uma boa dose de conhecimentos.

Posted:

Devo Aquecer o Meu Carro Antes de Arrancar? - Vol.97

Tem de ser uma das perguntas mais frequentes na categoria de carros. No entanto, há muitas pessoas que não sentem a necessidade de fazer esta pergunta, pois regularmente aquecem o motor do seu carro antes de sair para o trabalho todos os dias. É realmente necessário? Caso contrário, por que as pessoas fazem isso?

Tudo começara nos tempos em que os preços do gasolina não eram tão altos e os carros tinham carburadores enormes. É por isso que todos nós nos lembramos dos nossos pais, vizinhos, tios e nós próprios parados no carro enquanto eles terminavam as suas tarefas. Fora útil para os carros da época, especialmente no inverno, mas não mais. Eis algumas razões.

Por que não é necessário?
A prática de aquecer o carro ainda continua viva, mas a tecnologia moderna tornou essa necessidade totalmente desnecessária. Em vez de carburadores enormes, os carros modernos têm injectores eletrónicos de combustível. A nova tecnologia também incorpora o utilização de um computador, que detecta a temperatura do motor. Se o motor estiver frio, o computador automaticamente sinaliza os injetores para abrir um pouco mais. Isso permite que mais combustível entre no motor, para que este possa ser executado mesmo que esteja frio.

Uma vez que o motor esteja a funcionar, demorará apenas alguns minutos para aquecer. Isso porque um carro aquece de forma mais rápida ao circular, não quando está em marcha lenta. Depois de o motor alcançar a temperatura normal, os injetores ajustam o fluxo de combustível de volta ao normal.

Por que é prejudicial?
O dano de colocar o motor em marcha lenta, com o objetivo de aquecê-lo, incorre diretamente na sua carteira. Segundo uma pesquisa nesse aspeto, se um condutor aquecer um carro V8 por cinco minutos todos os dias, 20 litros de gasolina serão desperdiçados num ano. Hoje em dia, nas condições econômicas atuais, quem iria querer isso?

Em segundo lugar, o aquecimento do carro dessa maneira pode também causar efeitos muito nocivos ao meio ambiente. A marcha lenta causa uma combustão incompleta do combustível e resulta na libertação de monóxido de carbono e dióxido de carbono. O mesmo motor V8, em marcha durante cinco minutos, acabará por libertar muito dióxido de carbono no meio-ambiente durante o ano inteiro.

Da mesma forma, é prejudicial para a saúde. Embora a poluição ambiental possa eventualmente matar-nos, um carro em marcha lenta dentro de uma área coberta, como uma garagem, pode realmente matar o condutor e os passageiros devido à quantidade de dióxido de carbono que liberta. Muitas campanhas pró-ambientais têm denominado a marcha lenta como altamente prejudicial.

Por fim, também não é bom para o motor, se o aquecer à moda antiga. Os sistemas de exaustão modernos incluem um dispositivo chamado conversor catalítico. A sua principal finalidade é queimar os hidrocarbonetos não queimados no fluxo de escape. Um motor frio produz hidrocarbonetos não queimados mais do que um motor quente. Isso afeta a quilometragem do seu carro de uma forma negativa.

Qual é a maneira correta de fazê-lo?
Como já foi mencionado, a condução de um carro aquece o motor de forma mais eficiente do que deixá-lo em marcha lenta por 15 minutos todos os dias. No inverno, é aceitável ligar o carro e deixá-lo funcionar por apenas cinco minutos antes de arrancar, para que os fluidos fluam. O motor aquece enquanto o carro circula. No entanto, é importante que se abstenha de acelerar o motor antes aqueça.

Portanto, se fizer isso da forma correta, o seu carro funcionará sem problemas e economizará na carga de poluição e desperdício de recursos.